Conheça Kaue Gelascov, ala/armador do Paulistano

Fala, pessoal!

Um dos times que mais gostava de acompanhar era o Paulistano da geração 2003. Era um time que trabalhava muito bem a bola e executava os ataques de maneira mais coletiva que pude registrar. Em 2018, lembro que fizeram partidas incríveis contra os times mais fortes do campeonato, como por exemplo o Regatas (que foi campeão no ano), que conseguiram vencer em casa (vídeo abaixo) e contra o Palmeiras (vice-campeões) onde fizeram duas partidas duríssimas na fase de classificação (a segunda partida, inclusive…bom, enfim…).

Paulistano x Regatas (Sub-15 de 2018)

O time tinha grandes nomes, que permaneceram para temporada 2019, como Maurício Cadury, Brandão e o motivo dessa matéria, Kaue Gelascov. Kaue é um atleta que sempre gostei de ver jogar nesse time, com fundamentos bem sólidos, jogo discreto e, curiosamente, pouco falado nas conversas da base (pelo menos nas que estou envolvido).

Por isso o chamei para um bate-papo para que, caso não o conheça, tenha essa oportunidade, e se já o conheça, conhecer um pouco mais.

Informações do atleta:

  • Altura: 1,88m
  • Posições: ala/armador e armador
  • Categoria: Sub-17
  • Títulos conquistados: campeão da série prata pela federação no ano de 2018 e, nesse começo de ano, conquistamos um quadrangular em Pindamonhangaba
Conquista da série prata em 2018

Quando começou a jogar basquete?
Eu comecei a jogar aos 12 anos.

Você chegou a jogar futebol em algum time? O que causou a mudança?
Sim, eu jogava futebol até os meus 12 como goleiro, mas comecei a me desinteressar pelo jogo e fui procurar outros esportes para praticar, foi quando experimentei o basquete e daí em diante me apaixonei pelo esporte.

Qual sua rotina semanal de treinos/jogos?
Então, antes da quarentena, a rotina de treinos era de segunda à sábado, onde o treino começava às 15h e terminava por volta das 16h30, e após tínhamos o treino físico. Mas com o começo da quarentena, essa rotina diminuiu bastante, mas o Paulistano está conseguindo proporcionar treino online, assim temos treino de controle de bola de segunda e quarta das 16 até umas 17h20, e de terça e quinta temos treino com o fisioterapeuta das 15h15 até às 16h, e logo em seguida o treino físico até as 17h. Mas o nosso preparador também passa planilhas de treinos para fazermos por conta própria e mantermos a forma para quando voltarmos.

Quais campeonatos que participa durante o ano?
O campeonato que participo durante o ano é o paulista e, dependendo do ano e da categoria, temos o brasileiro também.

Qual foi sua melhor partida? Por quê?
Nossa essa é difícil. Não sei ao certo a minha melhor partida, mas uma delas foi contra o Regatas de Campinas no ano passado, e porque consegui pontuar bem mas, ao mesmo tempo, distribuir bem o jogo. E na parte defensiva também fui bem. Por conta de conseguir ir bem nos dois lados das quadra, considero um dos meus melhores jogos.

Quais seus pontos fortes?
Acredito que os meus pontos forte são o arremesso de média e longa distância, as finalizações perto da cesta e uma boa visão de jogo.

O que precisa melhorar em seu jogo?
O que preciso melhorar em meu jogo é principalmente a parte defensiva e o físico, mas sempre treinar de tudo para continuar sempre melhorando

Como foi a experiência de jogar a CBC em 2019?
A experiência de ter jogado esse campeonato foi incrível, pois jogamos com times de diversos estados, os quais não enfrentamos durante o ano, e assim conhecemos outros jogadores, o que possibilita, além do desenvolvimento no basquete, ter uma interação social entre os times, e com isso saber como o basquete é espalhado pelo país.

Quais times e jogadores mais te chamaram atenção?
Então os jogares que mais me chamaram a atenção, sem ser os que jogam em SP na federação e que já conhecia, foram o Miguel (armador do Vasco), o Daniel (pivô do Minas) e o Augusto (armador do Botafogo). E os principais times que me chamaram atenção foram o Vasco e o Minas.

Quem são suas referências no basquete e por que?
As minhas referências no basquete são o Marcelinho Huertas, por ser brasileiro, do Paulistano e ter conseguido chegar na NBA, no basquete europeu e também na seleção brasileira. Além de eu ter conhecido ele pessoalmente no seu camp, no qual me passou boas dicas, por isso levo ele como uma referência. E também o Manu Ginobili, o qual virou um ídolo jogando pelo Spurs e na Europa, e por ser um jogador sul-americano que conquistou os campeonatos mais importantes do mundo, e também gosto muito do seu estilo de jogo e de como tinha um excelente chute e uma agressiva infiltração. Além de jogadores como o Lebron e o Luka Doncic, pois gosto muito do estilo de jogo de ambos e acho os dois muito completos, conseguem dominar todas as áreas do jogo, mas mais que isso, a liderança e a inteligência desses dois jogadores são muito boas, por conta disso considero referências.

Camp Huertas

Qual o melhor jogador que já enfrentou?
Olha essa pergunta é bem difícil pois já enfrentei muito jogadores excelentes e completos, mas acho que o Adyel de Franca é um dos melhores.

Onde quer chegar com o basquete?
Então eu quero chegar a jogar na NBA, chegar no melhor nível e disputar com os melhores, e também conseguir ser campeão jogando no melhor basquete do mundo. Mas também jogar pela seleção brasileira e conquistar títulos que não alcançamos a muitos anos.

Mensagem ao time e técnicos
Então, como estamos passando por um momento muito complicado acho que estar fazendo parte de um time ajuda muito, pois mantemos um contato diário, além de sempre ter alguém para “zoar” e incentivar também. Assim passar por esse período fica mais leve. E também gostaria de agradecer ao Eran, que é o nosso técnico, e ao Pedrão, que é o nosso preparador físico, mas também toda a comissão técnica que está proporcionando treinos para a gente em casa, e assim vão incentivando todos nós a sempre buscarmos o nosso melhor e lidar com esse momento como uma oportunidade de melhoria, e assim nos levando sempre ao máximo de nós mesmos, o que é muito importante para alcançarmos nossos sonhos.

Valeu demais, Kaue! Que consiga alcançar todos seus objetivos e ir muito longe em sua carreira – tem potencial para isso!

É isso, pessoal, um abraço e até a próxima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s